“A importância das Estações de Tratamento de Esgoto Compactas para novos loteamentos”

É de conhecimento de todos que o tratamento de esgoto é uma das principais barreiras para o desenvolvimento social e econômico do Brasil atualmente. A falta deste serviço básico para a população gera doenças e acaba afetando os índices de desenvolvimento humano em todo o território nacional. O pais também vive uma época de crescimento acelerado no ramo imobiliário, onde cada vez mais aumenta a demanda por loteamentos de residências e condomínios para abrigar este crescimento da população e normalmente o governo não consegue suprir ou acompanhar este crescimento através do fornecimento de água potável, coleta de lixo e principalmente a coleta e o tratamento de esgoto.

SOLUÇÃO

A solução para acompanhar o crescimento da população e consequente demanda para tratar o esgoto de forma adequada são as ETE’s (Estações Compactas de Tratamento de Esgoto), que podem ser projetadas e instaladas a partir de uma residência unifamiliar até um sistema para um loteamento.

As Estações Compactas para o tratamento de esgoto tem-se mostrado um produto cada vez mais presente no ambiente das construtoras, incorporadoras, imobiliárias e loteadoras que buscam a satisfação de seus clientes (futuros moradores) que vão ter a tranquilidade de que o imóvel onde moram não impactaram negativamente o meio ambiente.

Na ampla maioria das vezes as ETE’s são exigidas pelos órgãos ambientais na etapa de licenciamento da obra, quando a rede coletora da concessionária de saneamento não passa no local do futuro empreendimento, desta forma o órgão ambiental entende que o empreendedor deve garantir que o esgoto gerado seja tratado na entrega dos imóveis.

 

VANTAGENS DE TER UMA ETE NO SEU EMPREENDIMENTO

  • Valorização do imóvel;
  • Tendência Sustentável;
  • Aumento da satisfação e bem estar dos usuários;
  • Educação Ambiental;
  • Garantia de não poluição dos recursos hídricos ao redor do empreendimento;
  • Possibilidade de se fazer o reúso do efluente pós tratamento;
  • São produtos normalmente de rápida instalação e facilidade operacional.

 

CONCLUSÃO

É de conhecimento de todos que os índices de coleta e tratamento de esgoto no nosso país estão bem abaixo do que é necessário para um melhor desenvolvimento social. Com a crescente demanda da população por moradias, as construtoras estão cada vez mais fazendo grandes loteamentos em todas as regiões do Brasil. Em contrapartida o governo não consegue atender esta demanda através do fornecimento de redes coletoras e Estações de Tratamento de Esgoto, uma vez que é um investimento alto e outra que a velocidade das obras ser cada vez mais rápidas.

A única saída para resolver estes problemas é a instalação das ETE’s compactas para cada um destes empreendimentos, descentralizando o tratamento de esgoto e atendendo a demanda de crescimento da população sem impactar negativamente os recursos hídricos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *